A importância do esporte na escola

A importância do esporte na escola

O desenvolvimento de atividades esportivas na fase escolar é uma prática cada vez mais presente nas instituições de ensino do Brasil. Além de fazer parte do próprio processo educacional, o esporte traz muitos outros benefícios para crianças e jovens. 

A disciplina de Educação Física há muito tempo está presente de forma obrigatória nas grades curriculares.  No entanto, muitas escolas vão além, oferecendo atividades esportivas extras que contribuem para o pleno desenvolvimento do aluno.  

Essa prática vai ao encontro do que diversos especialistas atestam. A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), por exemplo, recomenda que crianças e adolescentes pratiquem pelo menos uma hora de atividade física diariamente. Isso porque o esporte tem um papel fundamental na formação infantojuvenil, para auxiliar no desenvolvimento físico e motor, além de trabalhar aspectos emocionais e sociais. 

Dessa forma, a atividade física vai além de um simples exercício de descontração e lazer, devendo ser considerado um importante instrumento pedagógico. Porque tem a capacidade de contribuir na formação social e intelectual dos estudantes, através de experiências práticas que desenvolvem habilidades individuais, estimulam a capacidade cognitiva e incentivam o trabalho em equipe. 

Os benefícios do esporte na escola são diversos. Começando pelo combate ao sedentarismo, problema cada vez mais presente no estilo de vida atual que vivemos, com uso excessivo de  celulares, notebooks e tablets 

Outros benefícios da atividade física regular na escola são o aumento da consciência corporal, a imunidade e a resistência muscular. Praticar esportes auxilia na formação do aparelho cardiorrespiratório, no aumento da circulação sanguínea e em uma maior oxigenação do cérebro. Ajuda a combater o estresse e a ansiedade, proporcionando uma sensação de bem-estar. 

A prática da física também colabora para o desenvolvimento social e emocional das crianças e dos adolescentes, através da interação com os colegas da mesma idade. Atuando em equipe, eles trabalham valores como a resiliência e a empatia, e aprendem a respeitar os limites e as diferenças entre si. Além desses, outros valores são aprendidos com a prática regular do esporte nas escolas: o cumprimento de regras, a tolerância, a persistência, saber esperar a sua vez, saber ganhar e também saber perder, sem descontar suas frustrações nos concorrentes.  

Finalmente, o esporte também propicia sensações de prazer, emoção e adrenalina. Os alunos se sentem incentivados a participar das atividades propostas, pois a sensação de bem-estar é automaticamente identificada pelo cérebro.  

Outro ponto positivo da atividade física é que seus resultados são sentidos no presente e no futuro também. Segundo pesquisas, uma única sessão de exercício moderado de crianças com 9 e 10 anos de idade pode alterar a atividade eletroencefalográfica e melhorar o raciocínio em testes de desempenho acadêmico. 

Estudos realizados pelo americano James Hillman, psicólogo com fama internacional e autor de diversos livros, reforçam a tese de que o exercício físico aeróbico é capaz de aumentar o estado de atenção em avaliações, com melhores resultados nas tarefas e compreensão mais clara da leitura. 

Em seu projeto pedagógico, o Colégio Integração reconhece o potencial e a importância do esporte na formação do aluno e na construção dos seus valores. 

Dentro desse pensamento, oferece aos alunos a prática de atividades extracurriculares, podendo escolher até três modalidades entre esportivas e culturais, sem nenhum valor adicional na mensalidade. 

Estão disponíveis, entre outras, aulas de natação, futebol e vôlei, entre muitas outras modalidades.  

Ação, superação e integração. Mais que um slogan, uma filosofia presente no dia a dia do Colégio Integração, inclusive na prática esportiva. 

A importância da História na escola

A matéria de História na escola é muito importante, tanto quanto a Língua Portuguesa e a Matemática. Ela contribuiu para o desenvolvimento social, cultural, crítico e científico do aluno, que também é cidadão.  

Estudar História permite refletir sobre a realidade do mundo, associar valores, compreender comportamentos e contextos sociais que vão muito além de decorar datas e fatos. 

Para falar sobre História, suas peculiaridades e encantamentos, o Colégio Integração realizou uma live com o professor Daniel Marraccini, o famoso Marra. Um bate-papo descontraído e ao mesmo tempo empolgante que já virou história. 

 

Acesse o link abaixo e aproveite! 

 

https://youtu.be/0FJ7GYTpeyo 

Quais são as profissões do futuro?

Alunos que estão terminando o Ensino Médio se deparam com o mesmo dilema de escolher a sua futura profissão. De um lado devem ser levadas em consideração as habilidades e preferências do aluno, suas aptidões e facilidade de aprendizado em determinadas disciplinas. Por outro lado, um dos elementos que também exerce influência na decisão é se a profissão escolhida será valorizada no mercado de trabalho. Afinal, é importante saber como se desenvolverá a carreira no futuro próximo, pois entre a entrada e a saída da faculdade há um intervalo de dois a seis anos, um período em que o cenário profissional pode mudar completamente. 

Com as mudanças e transformações acontecendo de forma dinâmica na sociedade, principalmente na área tecnológica, é comum que em alguns anos o mercado de trabalho se modifique, com uma nova geração de profissionais ocupando cargos que antes nem existiam. Ao mesmo tempo, existem aquelas profissões tradicionais que, independentemente do contexto, podem continuar em alta. 

De acordo com previsões feitas por algumas das principais consultorias de recrutamento profissional do mercado, como Robert Half, Michael Page e Haysforam listadas as dez profissões que provavelmente estarão em alta num futuro próximo. Veja a lista a seguir. 

 

1. Big Data

Com o desenvolvimento tecnológico, as empresas estão repletas de dados. As informações coletadas precisam ser trabalhadas, analisadas e transformadas em material estratégico. Desse material é possível extrair informações valiosas sobre gostos e tendências do consumidor, estilo de vida, comportamento de compra, reações de mercado etc. 

Para realizar esse trabalho, é necessário um profissional de Big Data, especializado em organizar, tratar e analisar todos esses dados, interpretá-los e extrair deles as informações estratégicas para um melhor posicionamento empresarial. 

 

2. Engenharia com foco em Agronegócio

Nessa área profissional, existem diversas formações de Engenharia que trabalham com foco na produção agrícola e pecuária, como: Agronomia, Aquicultura, Agrimensura, Ambiental e Florestal. 

Essa linha profissional será muito requisitada nos próximos anos devido à expansão e modernização do setor do agronegócio. 

 

3. Design de Inovação

É o profissional que concebe ideias e funcionalidades inteligentes que possam se transformar produtos ou soluções de sucesso no mercado. No Brasil, essa área ainda está no início, e, portanto é um campo com grande espaço para crescimento. 

 

4. Tecnologia da Informação

Em alta nos dia atuais, a Tecnologia da Informação tende a continuar a crescer no Brasil. O consumo de tecnologia irá aumentar nas empresas, e a presença de profissionais capazes de conceber, aplicar e gerir sistemas tecnológicos será fundamental. O futuro demandará ainda mais os profissionais desenvolvedores e especialistas em segurança. 

 

5. Gestão de Resíduos

A produção de lixo é um problema que tem crescido atualmente. Na mesma escala, há a necessidade do seu tratamento e o cuidado com o meio ambiente.  

A gestão de resíduos é uma área multidisciplinar que pode ser desempenhada por gestores ambientais, engenheiros, químicos, tecnólogos em processos ambientais e em Saneamento Ambiental. 

Outro fator importante que favorece essa profissão são as leis brasileiras, como a Política Nacional de Resíduos Sólidos, que passaram a exigir a presença obrigatória de profissionais especializados da área de gestão do tratamento de água, esgotos, destinação correta do lixo, reciclagem e limpeza urbana. 

 

6. Medicina

Independentemente do tempo, o profissional de medicina continua a ser um dos profissionais mais requisitados do mercado. Principalmente quando vivemos momentos como o atual, de uma pandemia que afetou a saúde das pessoas em escala mundial. 

Como o médico trabalha em equipe, as profissões ligadas à saúde também continuarão em alta, como enfermeiros, auxiliares de enfermagem e instrumentadores cirúrgicos. 

 

7. Marketing

tendência de competitividade entre as empresas será mantida no futuro próximo, podendo inclusive crescer. Dessa forma, elas precisarão encontrar novas formas de se destacar no mercado e atrair o interesse dos clientes, aumentando assim a procura por profissionais da área de Marketing. 

 

8. Educação

Assim como os médicos, os professores são profissionais atemporais e devem ser ainda mais requisitados no futuro. 

Estudos mostram que o mercado de trabalho para esse profissional deve se ampliar, tanto na rede pública quanto na rede privada.  

 

9. Logística

O profissional de logística responde pela inteligência operacional e processual de uma empresa, cuidando de itens como transporte, armazenamento, compras, distribuição e entrega de produtos. 

Com a produtividade das empresas cada vez maior e o crescimento das compras via Internet, essa profissão tem um grande mercado pela frente. 

 

10. Biotecnologia

biotecnólogo trabalha com a manipulação de material biológico para melhorar a qualidade dos alimentos, produzir remédios e encontrar formas mais eficazes para o tratamento de doenças. 

Portanto, é um dos profissionais mais importantes no processo de aliar desenvolvimento e sustentabilidade, com pela de destaque nas indústrias, centros de pesquisa e laboratórios. 

 

Trabalhando a arte online

A quarentena, como todos nós sabemos, mudou comportamentos e transformou o dia a dia de todos nós. Na área escolar, rotinas foram alteradas e o processo de ensino-aprendizado precisou se readequar diante desse novo e desafiador cenário. 

Estamos vivendo no âmbito acadêmico profundas alterações, principalmente na estrutura da sala de aula, que passou a ser a sala de casa. O homeschooling ganhou força e tem se propagado por todo o país. 

Nesse turbilhão de transformações, o ensino da arte tornou-se também um desafio para professores e alunos. Pois envolve uma matéria que demanda coordenação motora e aulas práticas 

Para falar sobre esse assunto tão importante, o Colégio Integração realizou uma live com o professor de Artes, Israel Diniz. Uma conversa sobre como é possível trabalhar a arte no ambiente online. 

 

Acesse o link abaixo e aproveite! 

 

https://youtu.be/nOdCTAJ-Y5E